14 de dezembro de 2009

Expatriação na estante. Ana e o norueguês.

Olá, X!
O “Expatriação na estante” desce algumas prateleiras para ficar à altura do público alvo de “Ana e o norueguês.”
A pedagoga Maria Ribeiro escreveu e Hilda Ferreira ilustrou a história de uma expatriadinha brasileira prestes a conhecer um tal de norueguês, tanto citado nas conversas dos pais.
Até Ana descobrir que o norueguês não é gente, mas - como todo o idioma em uso - é tão vivo quanto as pessoas, muita coisa acontece. “O livro trata as questões multiculturais a partir da perspectiva da língua, cidadania e formação da identidade”, diz a escritora que - aliás - é bem presente aqui no Expatriadas.
Nesta terça-feira, 15 de dezembro, será uma boa oportunidade para trocar impressões e experiências sobre expatriação com Maria Ribeiro, que vive na Noruega. Ela estará na editora Multifoco, na avenida Mem de Sá, 126, Lapa, Rio de Janeiro, a partir das seis da tarde.
Se você tiver uma dica de leitura, mande para gente: expatriadas@hotmail.com

X - Como surgiu a ideia do livro?
Maria - Eu comecei a escrever para afastar os fantasmas que a adaptação me proporcionou, porque eu vivi um pouco as preocupações da Ana. Escrevi várias histórias e uma delas foi parar nas mãos de um editor, que se interessou e fez a proposta de publicação.

X - Quanto tempo para finalizar?
Maria - A primeira versão foi escrita numa tarde, depois de uns dois meses mostrei para um amigo, que repassou para o editor. Entre o convite para a ilustradora, a resposta, o prazo da ilustração, dos acertos do texto, revisão, diagramação e mais uma revisão e validação foram-se uns 6 meses.

X - O que você aprendeu com o processo?
Maria - Aprendi sobre a importância e a influência da cultura em nossas vidas, principalmente, na formação da nossa identidade.

X - O que te surpreendeu?
Maria - A publicação do livro em si foi uma grande surpresa.

X - Acredita que o Brasil ainda carece de bibliografia sobre o tema expatriação?
Maria - De forma geral, o tema ainda é pouco explorado. Temos pouca literatura e produção sobre o assunto, principalmente, em relação às crianças.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! É um prazer falar com você!