4 de novembro de 2009

Expatriação na estante. Expatriados.com

Olá, X!
O aprendizado com a experiência é indiscutível, mas - às vezes - um mapinha é providencial.
Por isso, puxe uma cadeira e fique à vontade. O momento é de conversar com gente que pesquisa e escreve sobre expatriação. Essa é a proposta desse novo ambiente aqui no Expatriadas.
Fique à vontade também para indicar bate-papo com especialistas e lançamento de livros sobre o tema. O canal é o expatriadas@hotmail.com
O espaço hoje é de Andrea Sebben, que acaba de mandar para as prateleiras o Expatriados.com, da editora Artes e Ofícios.
Ela, outros pesquisadores e, claro, os expatriados tratam do sobe-desce dessa experiência: família, adaptação cultural, carreira e por aí vai...
X - O Expatriados.com é uma compilação de ideias de diferentes especialistas no assunto, quais os temas abordados no livro?
AS - A ideia foi trazer referências na área para falar como é a Política de Expatriação dentro das empresas, por isso a participação da Odebrecht, Bosch, Alstom, Maerks, entre outras.
Do mesmo modo, alguns expatriados ilustraram o livro contando como é estar lá fora. Os estrangeiros contam como é viver aqui no Brasil.
Tive o cuidado de ver as diferentes facetas disso: esposas que acompanharam, noivas que ficaram, maridos que largaram tudo para dar suporte às suas esposas.
X - O livro é direcionado aos profissionais da área, ou também ajuda quem está se preparando para essa experiência?
AS - Ambos. Quem trabalha na área vai entrar em contato com conceitos novos que venho introduzindo ao mercado: Treinamento Intercultural - baseado em Ciências Interculturais, os RHI´s - Recursos Humanos Interculturais - com o perfil dos profissionais que ali atuam, quais seus objetivos, enfim, uma reflexão bem séria sobre esses RHI´s que se multiplicam em nosso país.
Para quem vai ser expatriado, o livro traz relatos bem-humorados sobre o dia-dia de quem já cruzou as fronteiras. A ideia foi produzir uma obra bem completa.
X - Você tem vários livros publicados sobre expatriação, quais as novidades do Expatriados.com?
AS - A novidade é o aporte científico que trago, já que nunca fui de trazer autores ou abrir discussões acadêmicas sobre o tema. O relato de expatriados legitima a teoria.
O caminho da prática à teoria é, aliás, um diferencial muito importante na minha carreira. Frequentemente as pessoas vão à teoria nas Universidade e depois partem para a prática. Comigo o destino fez o inverso: tive experiências riquíssimas na Itália, na Espanha, na Bélgica e nos Estados Unidos e a partir delas fui em busca da teoria. Sei que isso dá um aporte fantástico tanto para quem ensina, como para quem aprende. E no expatriados.com tentei seguir a mesma linha.
X - A crise - que dizem já estar no caminho da superação - mudou os desafios da expatriação?
AS - Não creio nisso. Do ponto de vista da Educação e da Psicologia Interculturais a expatriação é um fenômeno complexo e profundamente intimista. Nada vai mudá-lo, pois ele é vivenciado dentro do sujeito. Agora, se estiveres falando dos processos, dos pacotes de benefícios, dos países de destino, eu diria que houve, sim, uma diminuição importante nos projetos de expatriação. Estávamos numa crescente até o ano passado e, este ano, percebe-se claramente o mercado mais cuidadoso.
X - Qual o balanço que você faz de 2009 para os expatriados?
AS - Meu balanço é otimista em todos os sentidos. Na área do treinamento Intercultural, por exemplo, até dois ou três anos atrás tínhamos uma ou duas empresas no país envolvidas nessa área - era quase um monopólio. Hoje já temos mais de dez. Certamente tem gente não qualificada buscando oportunidade nesse novo mercado, mas também há pessoas se preparando seriamente para poder atendê-lo.
Além disso, o debate sobre o tema vem ganhando espaço, já que a literatura sobre expatriação se intensifica e os eventos se multiplicam.
X- Quais as expectativas para os expatriados em 2010?
AS - O mercado está se reaquecendo e creio que 2010 será um ano fantástico com novas surpresas e um avanço importante em qualidade. De nossa parte, por exemplo, teremos um grande evento a ser lançado no início do ano reunindo nossos experts do Expatriados.com.
X – Um recado...
AS - Agradeço a oportunidade da nossa conversa. Fico ao inteiro dispor para quem quiser seguir nessa conversa. Um beijo afetuoso a todos! http://www.andreasebben.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! É um prazer falar com você!