29 de agosto de 2008

Com a palavra, outra Coexpat!

Oi, sou uma ex - Coexpat, entende?
Atualmente me dedico a refletir sobre os ótimos e péssimos momentos que tive nos meus 4 anos no México.
Tem sido um excelente exercício. Traz um prazeroso sentimento de valeu a pena, um enorme desejo de ser expatriada novamente e muita risada! Risada pelos momentos ridículos que passei até aprender o idioma e, principalmente, até saber mais sobre a cultura local.
Aqui vai apenas uma dessas experiências  

Eu e meu marido havíamos planejado almoçar. Sabe como é, lugar novo, gente nova, vida nova...fomos então a um ambiente universal: shopping.
Chegando lá, humm, estranho...não era natal, nem dia das mães, nem nada em especial. Mesmo assim a fila para entrar no estacionamento estava enorme. Nossa, nunca vou me esquecer daquela fila.
Imagine só: a fome a pico e aquela fila que não andava. A irritabilidade estava a flor da pele. Os insultos ao país começaram aí. Bom, prefiro pular esse detalhe...Depois de mais de 20 minutos na fila chegamos à suposta entrada do shopping e - tchan tchan tchan tchan - estava escrito BURGER KING - DRIVE THRU.
Noooooooossa, que vexame!!! Isso não foi o pior. Quando alcançamos a “janelinha do pedido” só nos ocorreu um no, gracias. Nos equivocamos.

Tinha umas duas semanas de México e aí começaram as minhas aulas de paciência, humildade e bom humor. Acho que sem esses itens, ou pelo menos o desejo por eles, a vida de um expatriado seria insuportável.
Vívian Galbes, São Paulo - Brasil.

Conte seu "causo" também. Assine como preferir. Mande seu texto para expatriadas@hotmail.com

Um comentário:

  1. Vivi,
    Suas experiências, nossas conversas sempre foram e sempre serão um norte para mim.
    Obrigada por tudo.
    Beijo.

    ResponderExcluir

Olá! É um prazer falar com você!